quinta-feira, 12 de setembro de 2013

Dicas: Barracas - Parte 1

Minha casa móvel. É assim que costumo me referir a este importante item para um aventureiro como eu. Lógico que ele está longe de ser a sua casa de verdade. Aliás como eu dou valor a minha casa depois de passar um ou mais dias dormindo dentro de uma barraca. Mas é bom variar um pouco de vez enquanto.

É um item fundamental mesmo para aqueles que pretendem ficar em abrigos, pousadas entre outros no final do seus destino. Surpresas podem acontecer no meio do caminho, e as vezes é necessário se abrigar. Não só a questão de mudança do tempo, como de fato é a causa mais provável para você interromper a sua viagem, mas por você ou alguém não se sentir bem no meio da jornada e precisar descansar por um momento, ou até mesmo para esperar socorro devido.

Estes "casulos" rejeitados pelo pessoal do "quanto mais leve melhor" são extremamente importantes nestas e em outras situações. E é disso que pretendo falar neste tópico. O que você deve levar em consideração na aquisição de uma barraca. Vejam os itens a seguir:

Capacidade: Quantas pessoas irão ficar dentro dela.

Resistência física: O nome já diz tudo.

Leveza: Quanto mais leve for, melhor.

Resistência a Chuva: A unidade mais usada e a da Coluna D'agua. Trata-se de um teste de pressão sobre o tecido. Quanto maior melhor. De acordo com o Ministério da Defesa Britânico para um tecido ser considerado a prova d'agua deve ter pelo menos uma resistência de 1000mm. Diga-se que no Brasil, devido as fortes chuvas que aqui ocorrem o mínimo aceitável seria de 1500mm sendo ideal a de 2000mm. Porém quanto maior for a resistência mais pesado será o tecido e mais caro também. Outra forma de se medir é através do teste do chuveiro usado pelas barracas Quechua. Maiores detalhes veja neste artigo do site Fui Acampar

Temperatura: A maioria das barracas que existem por aí poderiam ser chamadas de 3 estações e são consideradas para climas moderados (as que tem sobre-teto extensivo até o chão). As de 4 estações voltadas para neve e gelo possuem coberturas mais expeças e geralmente tem uma segunda barraca dentro delas. Possuem reforços para suportar o vento e a neve maiores do que as outras, e não são tão arejadas. Mas como no Brasil quase não cai neve...

Praticidade ao carregar: A maioria delas tem uma embalagem de mão para carregar, que em caso de colocar em uma cargueira fica bem prático. O problema são as instantâneas, ou "pop-ups" pois geralmente se guardam em discos, que sinceramente não sei como fazer para carrega-la junto com uma mochila.

Preço: A questão é simples. Quanto mais barato desconfie. Lógico que se você encontrou aquela barraca boa na promoção, leve-a. Mas em geral as mais baratas,  não tem uma boa coluna d'agua, são frágeis demais ou são de péssima qualidade.

Agora vamos ver as principais marcas de barracas disponível no Brasil.

CAPRI - http://www.capriweb.com.br/



Antigamente se você quisesse comprar um barraca tinha que ser da marca Capri. Foi uma das pioneiras em venda no Brasil. Se não era o único fornecedor na década de 80 era com certeza a mais fácil de achar. Aliás é até hoje. Porém com o advento de novos fabricantes seus modelos se tornaram obsoletos. A sua grande vantagem é o preço. Você pode encontrar por até R$ 50,00, que gera um problema. Em todos os modelos não tem sobre-teto até o chão. E isto é uma grande proteção contra a chuva.  Na foto acimavemos que o sobre-teto da barraca se resume a um "chapéu" de cor amarela. Não adianta ter um fundo de polietileno (uma espécie de plástico resistente) se por cima e pelos lados a água entra.

NAUTIKA - http://www.nautika.com.br/lazer/


Esta empresa talvez seja a que tem o maior catálogo de barracas. Tem modelos tipo da Capri (Linha Fit) até de valor de R$ 2.000,00 (Linha Bangalô). Por isso fica difícil dá uma classificação geral para elas. No montante delas são poucas que tenham resistência 1500mm ou mais de coluna d'água. Porém possui qualidade e preço para vários tipos de "bolsos".

Na segunda parte vamos falar das marcas Trilhas e Rumos, Coleman, Quechua e North Face.

Bastões de Caminhada